Cogepe - Coordenação Geral de Gestão de Pessoas

O que há de mais importante na Fiocruz Adicionar o RSS

Foto: Sergio Dias de Oliveira

Sergio Dias de Oliveira

Sergio está na Fiocruz desde 1982 e atualmente é chefe do Departamento de Processamento Final de Imunobiológico.

Qual a sua formação acadêmica?
Eu sou químico industrial, com mestrado em Tecnologia de Imunobiológico.

Quando chegou a Fiocruz?
Em 1982.

Já atuou em outros lugares além da Fiocruz?
Não. A Fiocruz foi o meu primeiro emprego e sempre trabalhei em Biomanguinhos.

Fale um pouco do seu trabalho.
Hoje eu gerencio o departamento que é composto de oito unidades organizacionais. Coordeno a equipe para que toda produção ocorra dentro do tempo estabelecido pela equipe responsável pelo planejamento e controle da produção, para atender a demanda do Ministério da Saúde.

Fale de alguma situação gratificante vivida na Fiocruz.
Para mim é o reconhecimento. Cheguei como auxiliar de serviços de pesquisa, trabalhei muito, consegui ser promovido e hoje sou chefe de Departamento. Isso mostra que a oportunidade é para todos. Basta que você se empenhe e esteja preparado para assumir a posição no momento certo.

Quais os maiores desafios do seu trabalho.
Manter a equipe toda motivada, alinhados aos seus objetivos e expectativas, pois dependemos do grupo para obter o melhor resultado.

Qual a importância do seu serviço desenvolvido na Fiocruz.
A produção de vacinas é muito importante para toda população. É gratificante saber que nós produzimos vacina para os nossos próprios filhos e que isso vai evitar que eles tenham doenças, além de possibilitar mecanismos para uma vida mais saudável para toda a população, sabendo que nós ajudamos de uma forma as pessoas.  Sempre trabalhamos para ter os produtos na melhor qualidade possível, sempre nos atualizando e galgando melhorias contínuas na produção, para nunca deixar a desejar para a população.


O que significa a Fiocruz para você?
É muito importante para mim. Eu me considero um filho da Fiocruz. Eu vim para aqui ainda novo e construí uma carreira aqui. Assim como eu, a Fundação tem o desejo de contribuir com a população em todo processo de melhoria contínua.

Você como servidor público, qual a importância do seu trabalho para a Fiocruz e para a sociedade?
Para a Fundação, a produção de vacina, de certa forma, é uma resposta a população de um trabalho bonito e eficiente que a Fiocruz faz, não só pesquisa e  desenvolvimento, mas também a produção, reduzindo custos na área da saúde, Nós somos um braço da Fundação que auxilia em um retorno para a população, contribuindo com o resultado da pesquisa, com vacinas de qualidade, atendendo ao anseio da população.
Entrevista publicada em 19.10.2011 - Foto: Peter Ilicciev

Fundação Oswaldo Cruz - Coordenação-Geral de Gestão de Pessoas

Av. Brasil, 4365 - Pavilhão Figueiredo de Vasconcelos/ Sala 215 Manguinhos - Rio de Janeiro - RJ CEP: 21040-360

Tel: (21) 3836-2200/ Fax: (21) 3836-2180

Ver mapa