Cogepe - Coordenação Geral de Gestão de Pessoas

O que há de mais importante na Fiocruz Adicionar o RSS

Foto: Maria Castro

Maria Castro

Criado em 1900, o Instituto Oswaldo Cruz - IOC atua nas áreas de pesquisa, desenvolvimento tecnológico e inovação e na prestação de serviços de referência para diagnóstico de doenças infecciosas e genéticas e controle de vetores, amparado pela ação de comissões internas responsáveis por garantir os padrões de biossegurança, de qualidade e de gestão ambiental. O IOC mantém coleções científicas de importância nacional e internacional e forma cientistas e técnicos através da atuação na educação profissional e de pós-graduação. Maria Castro trabalha no Instituto, na Comissão Interna de Biossegurança, área ligada à prevenção de riscos.

Qual sua formação?

Eu sou formada em Administração.

Há quanto anos na Fiocruz?

Trabalho na Fiocruz há quase 25 anos. Comecei trabalhando na Fiocruz como estagiária da antiga Assessoria de Planejamento (ASPLAN), atualmente DIPLAN. Depois trabalhei na DIRAD no Serviço de Importação e Exportação, chefiando posteriormente o DECOM.

Sempre trabalhou no Instituto Oswaldo Cruz?

Vim trabalhar no IOC a convite do Dr. Claudio Ribeiro, na época Diretor do IOC, quando coordenava o Departamento Técnico, responsável pela execução orçamentária, aquisições nacionais e internacionais do Instituto.

Quais as atividades que exerce?

Em 2003 fui convidada pelo Dr. Hermann Schatzmayr para atuar na Gestão da Comissão Interna de Biossegurança do Instituto Oswaldo Cruz, assumindo a Secretaria Executiva.

O que faz a Biossegurança?

O termo biossegurança começou ser utilizado pela primeira vez no século passado na década de 70 na reunião de Asilomar na Califórnia. Hoje está relacionado à prevenção dos riscos gerados por diferentes agentes (biológicos, químicos, físicos e ergonômicos) e aos processos envolvendo organismos geneticamente modificados cujos procedimentos foram estabelecidos pela Lei. 11.105/05.

Quais os objetivos dessa Comissão?

A missão da CIBio/IOC é orientar quanto à prevenção e à minimização dos riscos inerentes às atividades de pesquisa, ensino, desenvolvimento tecnológico e serviços de referência, que possam comprometer a saúde do homem, dos animais, do meio ambiente ou da qualidade dos trabalhos desenvolvidos no âmbito do IOC.

Quais as principais ações da CIBioc/IOC?

O programa de biossegurança do IOC está dividido em três grandes áreas: adequação dos laboratórios, o investimento em equipamentos de proteção coletiva e individual e a capacitação profissional. Temos conseguido através de recursos de tesouro e projetos financiados pela FINEP grandes mudanças, o que reflete na melhoria da qualidade de vida de nossos profissionais.

Qual a importância da sua Unidade para a história da saúde pública brasileira?

Criado em 1900 como uma iniciativa pioneira no país para a produção de vacinas, em seus 107 anos de existência o Instituto Oswaldo Cruz diversificou suas ações e hoje constitui um complexo que gera conhecimento, produtos e serviços na área biomédica para atender as necessidades da saúde da população brasileira.

O que representa a Fiocruz para você?

Eu tenho o maior orgulho de trabalhar na Fiocruz que é uma instituição super importante que visa promover a saúde e o desenvolvimento social, além de gerar e difundir conhecimento científico e tecnológico.

Entrevista publicada em 21.11.2007 - Foto: Gutemberg Brito/IOC

Fundação Oswaldo Cruz - Coordenação-Geral de Gestão de Pessoas

Av. Brasil, 4365 - Pavilhão Figueiredo de Vasconcelos/ Sala 215 Manguinhos - Rio de Janeiro - RJ CEP: 21040-360

Tel: (21) 3836-2200/ Fax: (21) 3836-2180

Ver mapa