Cogepe - Coordenação Geral de Gestão de Pessoas

O que há de mais importante na Fiocruz Adicionar o RSS

Foto: Belmira Ferreira dos Santos

Belmira Ferreira dos Santos

O Centro de Criação de Animais de Laboratório - Cecal cria e mantém animais de laboratório para atender aos programas de pesquisa, entre outros, na Fiocruz, e em outras instituições. Responsável pela criação de pequenos roedores, Belmira Ferreira dos Santos acredita que sem os animais de laboratório, não há pesquisa.

Qual sua formação?
Sou médica veterinária, formada pela Universidade Federal Fluminense.

Há quantos anos está na Fiocruz?
Fui contratada no dia 25 de março de 1983, mas contando com o estágio anterior à contratação estou desde abril de 1980.

Possui trabalhos publicados?
Sim. Capítulos de livros e manuais.

Quais atividades desenvolve no Cecal?
Sou responsável pelas criações de pequenos roedores (camundongos, ratos e hamsters). Temos em torno de 30 diferentes tipos de camundongos, além dos ratos e hamsters.

Pode nos relatar experiências peculiares da sua rotina de trabalho?
Acabei adotando um camundongo fujão e ele viveu na minha casa, solto, até morrer. Foi uma grande revelação a inteligência de um animal tão pequeno.

Qual a importância desse trabalho para as pesquisas científicas?
Sem os animais de laboratório, não há pesquisa.

O que representa a Fiocruz para você?
Uma grande oportunidade de exercer a minha profissão.

Entrevista publicada em 02.01.2008 - Foto: Comunicação/Direh

Fundação Oswaldo Cruz - Coordenação-Geral de Gestão de Pessoas

Av. Brasil, 4365 - Pavilhão Figueiredo de Vasconcelos/ Sala 215 Manguinhos - Rio de Janeiro - RJ CEP: 21040-360

Tel: (21) 3836-2200/ Fax: (21) 3836-2180

Ver mapa