Cogepe - Coordenação Geral de Gestão de Pessoas

O que há de mais importante na Fiocruz Adicionar o RSS

Foto: Carlos Alberto Frota

Carlos Alberto Frota

Desde 1962 na Fiocruz, o patologista clínico Carlos Alberto Frota coordena a produção de vacina contra a febre amarela em Bio-Manguinhos, unidade da Fiocruz que já produziu neste ano 15 milhões de doses.

Há quantos anos trabalha na Fiocruz?

Desde 1962. De 1990 a 1995, afastei-me.

Qual sua formação?

Ensino Médio completo. Sou patologista clínico com diversas especializações, como em bacteriologia.

Trabalha em que setor de Bio-Manguinhos?

Não trabalho em um setor específico. Como sou Coordenador de produção de vacina contra a febre amarela, percorro todos devido à minha função.

Quais suas atividades?

Auxilio toda equipe, composta por 35 profissionais, nas atividades do laboratório.

Qual a produção de vacina contra febre amarela de Bio?

A produção da vacina no ano passado atingiu o número aproximado de 35 milhões, e só neste ano a produção atingiu 15 milhões de doses - quase a metade de toda produção de 2007.

Qual a importância de uma instituição pública fabricar vacina contra esses tipos de doenças?

O Brasil é o maior produtor de vacina contra a febre amarela do mundo e a qualidade é a melhor também. Além de, até agora, ser a única reconhecida internacionalmente pela Organização Mundial de Saúde. Primeiramente, a importância se deve à comercialização da vacina, pois não havia interesse de ninguém em produzi-la. Como passou a ser vendida, o interesse e a produção aumentaram. A imunização da população é de grande importância para que mortes provocadas por esta doença não ocorram.

Cite alguma experiência significante nesses anos de profissão.

A modificação de técnicas que propiciou uma produção mais rápida e mais segura, sem ter problema na titulação da vacina.

O que representa a Fiocruz para você?

Como foi meu primeiro emprego, vivi por toda a minha vida nela, dando tudo de mim e tomando parte de todas as atividades do laboratório. Eu me empolgo quando falam sobre a Fiocruz.


Entrevista publicada em 12.02.2008 - Foto: Comunicação/Direh

Fundação Oswaldo Cruz - Coordenação-Geral de Gestão de Pessoas

Av. Brasil, 4365 - Pavilhão Figueiredo de Vasconcelos/ Sala 215 Manguinhos - Rio de Janeiro - RJ CEP: 21040-360

Tel: (21) 3836-2200/ Fax: (21) 3836-2180

Ver mapa