Cogepe - Coordenação Geral de Gestão de Pessoas

O que há de mais importante na Fiocruz Adicionar o RSS

Foto: Dafne Horovitz

Dafne Horovitz

A médica geneticista Dafne Horovitz atua no Departamento de Genética do Instituto Fernandes Figueira (IFF), uma das cinco maiores referências do país na área, e como docente na pós-graduação em saúde da criança e da mulher do IFF.

Há quantos anos está na Fiocruz?
Entrei como médica residente da genética em 1993, sendo oficialmente admitida como servidora em 2002.

Quais atividades desempenha no IFF?
Sou médica geneticista, trabalho no Instituto Fernandes Figueira atendendo pacientes e famílias com doenças geneticamente determinadas, malformações congênitas, retardo mental e doenças metabólicas. O volume de trabalho no Departamento de Genética do IFF é imenso, estamos entre as cinco maiores referências na área no país. Sou também preceptora do programa de residência médica em genética, membro do corpo docente da pós-graduação e do comitê de ética médica do hospital.

Quais experiências pode destacar como docente da pós-graduação em saúde da criança e da mulher do IFF?
Orientamos alunos na área de genética e saúde pública, com trabalhos que são voltados para a saúde da população com grande potencial de aplicabilidade prática, seja na população geral, seja em grupos de maior risco ou vulnerabilidade, como aqueles com doenças genéticas específicas ou com histórico de anomalias congênitas.

Fale-nos sobre sua atuação nos Comitês de Ética Médica e de Ética em Pesquisa do IFF.
O volume de trabalhos submetidos ao Comitê de Ética em pesquisa é imenso, sendo muito importante a agilidade nos pareceres, com recomendações de adequação dos projetos às normas vigentes para pesquisa em seres humanos. Nosso Comitê de Ética médica tem a particularidade de estar situado numa Instituição que conduz pré-natal de alto risco fetal, onde nascem mais de 30% do total de bebês com malformações congênitas do Rio de Janeiro. As discussões já vêm evoluindo há vários anos, e são encaminhados com grande freqüência pedidos de gestantes para interrupção de gestações de fetos inviáveis ou com malformações graves. O comitê vem atuando rapidamente nesses casos, encaminhando os pedidos à justiça, e, graças à seriedade e integração da equipe do IFF, várias mulheres conseguiram ter seu pleito atendido com segurança e continuidade do acompanhamento.

Dentre a sua vasta produção teórica no campo da saúde, qual pode citar?
Cito os trabalhos relacionados à genética e saúde pública, nos quais foram efetuados um levantamento do panorama atual da genética médica no Brasil, fluxo de atendimentos no SUS e elaboradas propostas para organização de rede de atendimento / exames voltados para os defeitos congênitos.

O que é a Fiocruz para você?
A Fiocruz é sinônimo de excelência e de vanguarda. O Instituto Fernandes Figueira traduz referência na área materno-infantil, e sem dúvida nenhuma trata-se da maior referência em genética do estado, sendo uma das maiores do Brasil. No IFF, a genética médica integra-se no âmbito prático em muitos dos departamentos da Instituição. Entrevista publicada em 10.07.2008 - Foto: Arquivo pessoal

Fundação Oswaldo Cruz - Coordenação-Geral de Gestão de Pessoas

Av. Brasil, 4365 - Pavilhão Figueiredo de Vasconcelos/ Sala 215 Manguinhos - Rio de Janeiro - RJ CEP: 21040-360

Tel: (21) 3836-2200/ Fax: (21) 3836-2180

Ver mapa